Quantas Vezes

 

E quantas vezes as lágrimas foram suas confidentes mais fiéis?…
E quantas vezes as noites em claro, foram sinônimo de pesadelos?… 
E quantas vezes você se perguntou se não seria melhor tudo simplesmente acabar?…
E quantas vezes você implorou ao destino uma prova de que ainda estava vivo?… 
(Milla C.)
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s