Decifra-me

Poema rápido e fresco X3

E te contarei um segredo
Enquanto danço em meio ao vento
Pois já não sei onde estou
Nem para onde vou
Mas há algo inquietante
Em cada célula de mim
Um ritmo que se move
Como que vivo em êxtase
São sonhos em sonos galopantes
De um futuro fantasioso
Onde um cavalo de fogo
Aposta corrida com um Zeppelin andante
Então apenas me acompanhe
Quietamente por essas ruelas
Sem fim e pacíficas
Porque quando eu erguer minhas mãos
Para balançar me em meio ao vento
Te contarei um segredo inquietante
Preso em cada célula de mim
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s